VISITA DE ESTUDO ÀS INSTALAÇÕES DA PISCINAS MUNICIPAIS DE ÓBIDOS


A turma do 10ºano do profissional de gestão desportiva, no dia 14 de janeiro visitou as instalações das piscinas municipais no âmbito da disciplina de DDAF3, módulo de gestão de piscinas.

A visita teve como guia o Sr. António José, Técnico de manutenção, que nos mostrou a como é feita a manutenção da instalação, desde as análises feitas na água até às avarias nas caldeiras de água quente, O Sr. Tózé, como gosta de ser tratado, mostrou-se muito recetivo respondendo a todas as questões feitas pelos alunos.

Os alunos gostaram e acharam a visita muito interessante, pois constataram que a matéria dada em sala de aula é realmente o que se utiliza na gestão de uma piscina.piscinas 1 piscinas 2

TRADIÇÃO DO PRESÉPIO NO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Educação Moral e Religiosa Católica recria Presépios em Alvito, Furadouro e Josefa


O Natal, na contextura específica que o cristianismo imprimiu nas culturas próprias dos povos e suas tradições, desde o ano de 1223 que conta com a recriação do nascimento de Jesus Cristo através do que popularmente se passou a designar por “Presépio” (alusão à manjedoura em que terá sido deitado o Menino após o seu nascimento). Com efeito foi S. Francisco de Assis quem, no supracitado ano de 1223, em Greccio – Itália – recriou a cena do nascimento de Cristo, sendo a partir dessa data o Presépio apropriado naturalmente pelas tradições culturais e artísticas dos povos das mais variadas culturas. Ora mais uma vez coube, naturalmente à disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica, a recriação cultural do Presépio em alguns estabelecimentos de ensino do nosso Agrupamento de Escolas, nomeadamente nos Complexos Escolares do Alvito e do Furadouro e ainda na escola sede – Escola Josefa de Óbidos. Os Presépios, montados nos átrios de entrada dos estabelecimentos de ensino, inspiraram-se na cultura tradicional portuguesa no que ao Presépio diz respeito.

Prof. José Manuel Nascimentopresepios

 

Contadores de histórias – Um conto de Natal, magia e música


                No dia dezasseis de dezembro, as alunas Catarina Timóteo e Diana Ribeiro, da turma 10.º CT, dinamizadoras do Clube Contadores de Histórias, apresentaram, de forma expressiva, o conto “Uma Noite de Natal”, de Diana Hendry e Jane Chapman, às crianças do Jardim de Infância de Óbidos e aos restantes alunos e comunidade escolar presentes no novo espaço da biblioteca “Oh, não há outra biblioteca!”. A preparação da leitura desta história, que têm como protagonistas um ratinho e um ratão, teve ainda a colaboração da aluna Ana Azevedo.

A atividade integrou-se na programação da Festa de Natal da biblioteca, momento cultural que privilegiou a comunicação de diferentes artes: a música, com o som de Miguel Cascais e as vozes de Leonor Reis e de Maria Cerdeira; a magia, com as apresentações do encarregado de educação Hugo Ferreira, e a literatura.

No final, todos foram ainda presenteados com bolachinhas e sonhos, miminhos associados à tradição natalícia.

Concurso Mesas de Natal – Muitos sabores e cores na celebração da tradição e do espírito natalício


À semelhança de anos anteriores, os alunos do Agrupamento de Escolas Josefa de Óbidos participaram no Concurso Mesas de Natal, apresentando à comunidade escolar uma mesa com comida e sobremesas natalícias, decorada com elementos típicos da época festiva.  A atividade decorreu nos últimos dias de aulas do 1.º período na Escola E. B. 2,3/ S Josefa de Óbidos e no Complexo Escolar dos Arcos.

As turmas concorrentes prepararam e apresentaram uma mesa de Natal decorada de forma criativa, com uma toalha de mesa de Natal original, pratos, talheres e copos, iguarias de Natal com receitas saudáveis, um elemento natural adequado ao tema e ainda uma mensagem natalícia.

A atividade, promovida pelo Projeto de Educação para a Saúde, teve como objetivos promover hábitos de alimentação saudáveis, favorecer o empenho, a criatividade e a originalidade, bem como sensibilizar os alunos para valores de solidariedade, de fraternidade, de respeito, de partilha e de convívio.

Num ambiente de convívio e de alegria, os alunos apresentaram mesas verdadeiramente criativas e muito bem decoradas, reveladoras de uma crescente preocupação com a promoção da saúde e de hábitos de vida saudáveis. Foi criado um momento cultural de grande qualidade.

Na Escola E. B, 2,3/ S Josefa de Óbidos, participaram no concurso 10 turmas. O 1.º Prémio foi atribuído à turma 12.º PGD/ PRCP; o 2.º Prémio, à turma 10.º CT e o 3.º Prémio, à turma 9.º A.

No Complexo Escolar dos Arcos, participaram no concurso 10 turmas. O 1.º Prémio foi atribuído à turma 6.º A; o 2.º Prémio, à turma 6.º B e o 3.º Prémio, à turma 2.º B.

PARABÉNS a todos!!!

Ascensão Machado

Lurdes Clemente

Vera Martins

ATELIÊ DE EXPERIÊNCIAS – “À DESCOBERTA DOS NUTRIENTES”


Nos dias 21, 22 e 26 de novembro os alunos do 6º ano dos complexos escolares do agrupamento realizaram, nos laboratórios da escola sede, um conjunto de experiências que promoveram a articulação de conteúdos da disciplina de Ciências Naturais, dos 2º e do 3ºciclos de escolaridade.

Esta atividade foi dinamizada pelos alunos do 9º ano que foram previamente preparados pela sua professora de Ciências Naturais, a docente Maria João Ferreira.

Assim, os alunos do 6º ano, com a explicação e orientação dos colegas do 9º ano, realizaram as experiências…

1º Encontro Up – Oeste, Põe-te a Mexer! 700 alunos de Educação Moral e Religiosa Católica de Óbidos da Região Oeste Complexo dos Arcos – Óbidos


Com a linda representação de cerca de 30 crianças do 1º Ciclo do nosso Complexo escolar dos Arcos, foram mais de 700 os alunos de Educação Moral e Religiosa Católica (do 1º ciclo ao 12ºano) que se reuniram, no passado dia 12 de novembro, na primeira edição do «UP – Oeste, Põe-te a mexer!», uma iniciativa dos professores de EMRC de várias escolas da região Oeste do Patriarcado de Lisboa.

A Festa aconteceu no Pavilhão Desportivo do Complexo Escolar dos Arcos, após o desfile das escolas presentes abrilhantado pelo toque inconfundível dos “Arrufeiros do Agrupamento de Escolas de Atouguia da Baleia. Docentes e alunos realizaram durante a manhã “atividades diversas” com destaque para “um peddy-papper” nas imediações do Complexo Escolar dos Arcos e, a partir das 14h., um Festival Jovem com várias “apresentações de alunos” das muitas escolas presentes”.

A iniciativa, que desde o primeiro momento assumiu um cunho solidário, contou com a contribuição voluntária de alimentos por parte dos participantes para ajuda à Instituição “Guias de São Lourenço – Paróquias de Óbidos”.

Segundo a organização, em nota de imprensa, o «UP – Oeste, Põe-te a mexer!» teve como objetivo “revitalizar e unir os agrupamentos escolares desta região” numa iniciativa que “espera já pela segunda edição no próximo ano escolar em Peniche”.

Um agradecimento muito especial, em nome do grupo disciplinar de Educação Moral e Religiosa Católica do Agrupamento de Escolas de Josefa de Óbidos (anfitrião do I Encontro), à Direção do Agrupamento, à senhora Coordenadora do Complexo Escolar dos Arcos, aos assistentes operacionais do mesmo e ao Município de Óbidos pelo apoio dado de forma inexcedível à realização deste grande evento no contexto do nosso Agrupamento de Escolas.

 

Prof. José Manuel Nascimento

Delegado Grupo EMRC

moral 2 moral

Lançamento do livro “Cartas de Lá e Cá”


Na passada segunda-feira, dia 18 de novembro, a Escola Básica de Óbidos recebeu a mentora do projeto Drª Rosara Maneira vinda do Brasil para o lançamento do livro ”Cartas de Lá e de Cá” no âmbito do intercâmbio entre a nossa escola e as escolas de Conceição de Mato Dentro no Estado de Minas Gerais no Brasil.

O referido projeto teve início no ano letivo 2018/2019 com o convite do Senhor Paulo Alexandre Santos, escritor e encarregado de Educação.

Foi um enorme desafio para todos os envolvidos a partilha de culturas através da troca de cartas bem como o retomar de uma realidade atualmente em desuso devido às novas tecnologias.

Como produto deste projeto resulta o lançamento do livro “Cartas de Lá e de Cá” em Portugal com a presença da representante do Brasil na pessoa da Drª Rosara Maneira, o Sr. Paulo Santos, o Sr. Diretor do Agrupamento professor José Santos, a professora Irene Carrilho, membro da direção, a professora Ana Raquel Henriques, Coordenadora da EB de Óbidos e os professores e alunos envolvidos. Foi um momento marcante para todos.

Agradecemos a todos

A direção do Agrupamento de Escolas Josefa de ´Obidos

“Vernissage” “Bring Nature to Design”


No passado dia 12 de novembro, ao início da noite, pais e restante comunidade escolar do Agrupamento de Escolas Josefa de Óbidos foram convidados a assistir, na escola sede, ao evento “Vernissage – Bring Nature to Design”, uma mostra de projetos, com a curadoria dos alunos do 12.º ano, do Curso Científico-Humanísticos de Artes Visuais.

O acolhimento aos convidados foi realizado no auditório da escola, onde foram apresentados os projetos “Herbário Artístico” e “Design de Moda” e os seus criadores.

Posteriormente, em itinerância, os presentes foram convidados a observar as exposições patentes em diferentes espaços da escola. No Ateliê Josefa, foi apresentada a escultura “Herbário Artístico” e todo o processo criativo inerente à sua execução. No espaço da Galeria Josefa, os convidados puderam conhecer o processo criativo do projeto “Design de Moda”, nomeadamente o processo de criação dos figurinos de papel para apresentação no desfile de moda. Num momento final, com ambiente de passerelle, os alunos desfilaram, apresentando os figurinos que criaram em papel, na zona do bar da escola.

Esta mostra foi desenvolvida no âmbito de um trabalho de articulação curricular entre a disciplina de Desenho A, ministrada pela professora Maria José Chaves, e o Ateliê Josefa, da responsabilidade da técnica Elisabeth Rocha. Os dois projetos, constantes no Plano Anual de Atividades do agrupamento, foram iniciados no ano letivo transato e concluídos no presente período letivo.

O processo criativo foi desenvolvido em diferentes fases: investigação, conceção, planificação, projetação e experimentação.

A escultura intitulada “Herbário Artístico” é composta por 14 layers / camadas de vidro com aplicação de técnicas mistas, de pintura em vidro e colagem de elementos orgânicos. A sua criação teve como referências artísticas as obras do artista Dustin Yellin, a pintura “A Noite Estrelada”, de Vincent Van Gogh, e o autorretrato do pintor.  As bases de suporte estrutural da escultura foram executadas pelo Centro Logístico da secção de Carpintaria do Município de Óbidos.

O projeto “Design de Moda” consistiu na criação de figurinos de papel, para apresentação num desfile de moda. Os alunos fizeram explorações plásticas bidimensionais de aguarela sobre papel, realizaram um estudo da figura humana com base nos cânones estilistas e criaram croquis com proposta cromática e teste de cor. Numa fase posterior, criaram figurinos em protótipos, como representação tridimensional do trabalho desenvolvido na fase anterior, com aplicação de técnicas de corte, colagem e modelagem de papel.

Associaram-se ao projeto o professor bibliotecário, Luís Germano, no âmbito do Projeto Ler Óbidos, Movimento 14-20 a Ler, integrado no Plano Nacional Leitura 2020, e a professora da disciplina de Português, Fernanda Gouveia. Esta parceria assentou na rubrica “Calçamos sapatos, mas vestimos poemas!”, a partir da qual, e usando o conceito wearables, com aplicação de códigos QR (código de resposta rápida), cada aluno escolheu um poeta e um poema que remetem para a conceção inicial do croqui do figurino.

Durante o evento, foi servido um Welcome Drink pelos alunos dos Cursos de Educação e Formação e do Curso Profissional de Restauração, sob orientação dos professores João Alpalhão e Jorge Claro. Os convidados tiveram, então, oportunidade de degustar cocktails sem álcool, vinhos da região, vários tipos de queijos, patés, salgadinhos e uma seleção de bolos e biscoitos confecionados pelos alunos no Ateliê de Gastronomia. Os alunos efetuaram ainda um serviço de confeção ao vivo, nomeadamente chouriço assado, muito apreciado pelos convidados.

O desempenho dos alunos encantou os convidados presentes no evento, sendo o seu talento, empenho e dedicação motivo de orgulho para a comunidade escolar. Uma noite artística que decerto contribuiu para o desenvolvimento de competências e valências fundamentais para o futuro académico, profissional e pessoal destes jovens.

 

 

Professora Maria José Chaves

Técnica Elisabeth Rocha

Mais fotografias aqui

Magusto com poesia – Perpetuando a tradição


Os alunos do 7.º e do 8.º anos da escola comemoram o Dia de S. Martinho com a apresentação de “castanhas poéticas”. A exposição, patente no átrio da entrada da escola, poderá ser visitada até ao fim do mês de novembro.

Os alunos escreveram quadras relacionadas com a temática do São Martinho, transcreveram-nas para cartolinas, papelão ou outro material e decoraram-nas, de forma artística, com elementos alusivos à época e à tradição popular. Os trabalhos, originais, resultam da combinação do texto e da imagem, numa perspetiva de valorização do sentido estético e das tradições culturais.

A atividade foi realizada na disciplina de Português, no âmbito das comemorações do Dia de São Martinho.

Destacou-se o empenho e o gosto pela divulgação da cultura portuguesa. Um exemplo do exercício da cidadania participativa.